SECRETÁRIA DE COMUNICAÇÃO EXPLICA A SAÍDA DE TIBÉRIO DO OD J PESSOA


A secretária de Comunicação da Prefeitura de João Pessoa, Marly Lúcio, negou nesta sexta-feira (20) que a demissão do coordenador do Orçamento Democrático (OD), Tibério Limeira, tenha ocorrido por algum tipo de perseguição política.


Durante entrevista, Marly explicou que no instante da demissão, Tibério já estava afastado para resolver problema de ordem pessoal. De acordo com a secretária, por conta desse afastamento do secretário, o conograma de atividades do OD estava ameaçado, visto que os trabalhos da 2ª etapa, previstos para começar em maio, já haviam sido adiados para agosto.

“Ele estava de licença no mês de junho para cuidar de assuntos pessoais, e com a autorização do prefeito. Nada mais natural que, na ausência do coordenador,  assumisse o secrertaria da pasta da transparecia. Tanto é que o prefeito em nenhum momento nomeou outra pessoa para gerenciar o OD”, disse a gestora da comunicação municipal.

Marly também rebateu ainda as acusações de Tibério, afirmando que o secretário da transparência, Alexandre Urquiza, teria proposto que el ficasse em casa sem trabalhar, em troca do não envolvimento na campanha política de Estelizabel Bezerra (PSB).

“Em nenhum momento foi colocado para que Tibério ficasse em casa sem receber, colocando como moeda de troca o silêncio dele em detrimento a um posicionamento político. Luciano Agra em nenhum momento teve esse tipo de entendimento”, garantiu.

Marly afirmou ainda que Tibério sempre foi uma pessoa com muito acesso ao prefeito, assim como Agra sempre foi muito afeito a secretário por ele ser muito atuante na gestão.

“Em momento nenhum o prefeito fez uma proposta para que ele ficasse em casa por conta de motivos políticos. A gente lamenta que Tibério tenha utilizado desse artifício para acusar o Luciano Agra dessa forma”


Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.