EM CUITÉ SE TROCA CARRO PIPA POR TRIO ELÉTRICO


Em plena seca que assola os municípios paraibanos e que não é diferente em Cuité, a prefeitura da rainha do curimataú, anunciou a festa de emancipação política 25 de Janeiro. Na programação participação especial de um trio elétrico tamanho do mundo " Asas da América" . Quem vai pagar o contrato ? Se parceiros (não foi divulgado) ou o próprio cidadão através dos cofres públicos . Uma contradição com o tamanho do TRIO ,onde a  prefeitura dá sinal vermelho na saúde financeira, com dificuldades de pagar pontualmente os salários dos professores e aposentados pelo município.

Em uma das falas de Bado Venâncio na entrega das casas populares foi frisar  que Cuité é uma das cidades que mais sofre com a seca na região. O que não parece, ao invés de chegar ‘ trio elétrico’ no momento de crise, melhor seriam mais carros pipas para abastecer as cisternas da zona rural, assim a festa seria pela sobrevivência do homem do campo e o rebanho. Sou testemunho que a seca é brava em Cuité, na zona rural cabeça de agave são destocados para alimentar e escapar os bichos.

De toda programação festiva da emancipação política é louvável as atividades esportivas, não sou contrário a ‘ festa’ mas ‘contratar’ Trio Elétrico, em plena estiagem sendo elas uma das maiores dos últimos 70 anos, bastaria os paredões de som da rapaziada para fazer a animação.     

Pegando um gancho de um Blog que divulga em primeira mão os atos do governo municipal de Cuité “Vamos juntos declarar o nosso amor a nossa amada Cuité nos seus 76 anos de Emancipação Política, contamos com a sua participação!”  

O maior amor seria priorizar neste instante nossos irmãos vitimas da seca e não querer maquiar um carnaval fora de época sem oásis. Em Picuí o governo do estado e municipal fizeram  despesas com ‘festa da Carne de sol ‘ com gado morrendo de sede  , será que existe dois curimataús ....?  E Viva a independência do Brasil !


Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.