CARTA DE DAGBALDO PARA O ARTICULISTA POLÍTICO DEMA MACEDO


Senhor Dema Macedo, Pelo presente, venho apresentar a minha total indignação com relação à interpretação dada por Vossa Senhoria, à Nota que enviei ao companheiro Dagmando Lopes, proprietário do blog CuitéPBonline, a qual foi publicada segunda-feira próxima passada (18/03).


Acontece que o senhor fez uma interpretação totalmente destorcida e inverídica sobre a referida nota, publicando em seu portal, de forma sensacionalista, que eu declarei apoio à reeleição de Gilma Germano e descartei o companheiro Tárcio Pessoa.

Primeiramente, afirmo que seria bom o senhor reler o que está escrito na mencionada Nota, pois em momento algum eu falei sobre eleição, nem muito menos em candidatura de Tárcio Pessoa ou de qualquer outro companheiro, ao cargo de deputado estadual, até porque o momento não é propício para tal tema.

O que falei foi sobre a necessidade de manutenção do espaço político conquistado na Assembléia Legislativa, por uma pessoa do Curimataú. Talvez o senhor não saiba, pois não atua por aqui, mas eu sei o que é ficar 20 anos sem ter um representante da região no Poder Legislativo Estadual.

O documento que enviei ao companheiro Dagmando Lopes trata de dois temas: briga tola entre duas cidades importantes (Cuité e Picuí), estimulada, evidentemente, por pessoas do PMDB de Cuité (únicos beneficiados com esse bairrismo absurdo); e oportunismo, ao me referir a uma suposta tentativa de adesão do grupo do PMDB de Cuité ao governo do PSB. 

Quanto às ações do Governo do Estado no município de Cuité, o senhor mais uma vez distorceu a informação. Não falei que tais obras e serviços são de única responsabilidade da Deputada Gilma Germano. Estes são fruto do empenho de todas as pessoas que integram a equipe de Governo em João Pessoa e na Região, bem como através das demandas do Orçamento Democrático Estadual. Pessoas como Tárcio Pessoa, eu próprio, Dr. Jaime, Péricles Venâncio, Marcos Camaraense, nossos vereadores, sempre tem influenciado no processo de conquista dessas obras e serviços. No entanto, a deputada Gilma Germano, como já disse, tem sido a pessoa que atua diretamente na defesa dessas ações junto ao Poder Legislativo e ao próprio Governo do Estado, até porque detém um mandato conquistado através dos votos das pessoas de nossa região. E isso tudo é perfeitamente normal.

Por fim, quero esclarecer que o termo “descartar” foi utilizado de forma equivocada e infeliz, ao referir-se ao companheiro Tárcio Pessoa, pois não existe qualquer estremecimento na nossa relação pessoal ou partidária, nem muito menos com qualquer outra pessoa do nosso grupo político em Cuité.

Por fim, caso o senhor torça por uma “união” do PSB com o PMDB em Cuité, evidentemente, respeita-se a sua posição. Porém, sinto muito em desapontá-lo, pois essa possibilidade, de minha parte e da de muitos companheiros e companheiras, não existe. È uma questão de caráter. Por favor, releia a minha Nota!

Atenciosamente

Dagbaldo Vasconcelos








Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

  1. Companheiro Dagbaldo Vasconcelos, li sua carta no BLOG de Dagmando Lopes, em nenhum momento você faz elogios ao líder político de Cuité Tarcio Pessoa, somente faz elogios a Ricardo Coutinho e Gilma Germano. Dema Macedo não está mentindo, por isso venho aqui como irmão, defender com unhas e dentes, e digo mais, estou ao lado de Tarcio Pessoa que quer o melhor para nosso município Cuité, eu como formador de opinião que venho desde a campanha de 2004 de Dr. Jaime defendendo o partido da oposição, portanto sei que o melhor para Cuité é Tarcio Pessoa, e não Gilma Germano.

    Pepeca

    ResponderExcluir

Dê a sua opinião sobre esta publicação.