BLOGUEIRO DENUNCIA OBRA PARALISADA PELA SUPLAN PODERÁ CAUSAR INUNDAÇÕES NO BESSA

Entrevista Globo/TV Cabo Branco fazendo a denuncia para as autoridades competentes tomarem providencias urgente. Preocupante com as obras paralisadas do canal do Bessa, uma tubulação que liga o canal ao rio Jaguaribe encontra-se obstruída e com as intensas  chuvas na capital  o nível do canal começou a subir e as águas começaram a transbordar .
Isso tudo diante de um  impasse jurídico entre o governo do estado (SUPLAN) e um proprietário de uma área em questão que não permite passar o canal. Nós moradores não podemos ficar a mercê do bel prazer do demorado acordo. A natureza precisa que as águas faça seu curso normal, senão uma coletividade que residem nas proximidades do canal será prejudica.

Em risco para alagamentos estão  o terminal 510-Bessa e o bloco “L” do condomínio Val Paraíso mais próximo ao  canal , assim como a rua será interditada pela erosão. O Ministério Público já foi acionado; na última vez que estive com o secretário da Suplan Sr. Ricardo Barbosa foi na plenária do Orçamento Democrático do estado (ODE) em João Pessoa, falei com ele sobre o caso, ele disse que teríamos que aguardar o caso que está na justiça. 

Pelo menos façam a desobstrução da tubulação, tarefa fácil, mas tudo neste país as ações são lentas. Chamei a defesa civil do município para que  faça uma vistoria no local.  Defesa já diz antecipar os problemas, mas como tudo neste país só se fecha a porta quando é roubado...  Vamos gritar para ser ouvidos. 





Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.