AGORA : TRE PB JULGA IMPROCEDENTE AÇÃO DO PMDB CONTRA RÁDIO TABAJARA E GOVERNADOR

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB) decidiu indeferir o pedido do PMDB para punir o governador da Paraíba Ricardo Vieira Coutinho; a superintendente da Rádio Tabajara Maria Eduarda Santos; os deputados estaduais Sebastião Gomes Pereira (Tião Gomes) e Lindolfo Pires Neto; e os apresentadores Célio Alves e Fernando Caldeira, por propaganda eleitoral antecipada em cadeia de mais de 20 emissoras de rádio comandada pela Tabajara.


O relator do processo, o juiz Tércio Chaves de Moura, entendeu que os comentários feitos durante o programa Fala Paraíba não correspondem à propaganda extemporânea. 


Na Ação, o PMDB denuncia o suposto uso da cadeia de emissoras de rádio, financiada com recursos públicos, comandada pela Rádio Tabajara, emissora oficial do Estado, para propaganda eleitoral fora de época. A  relator foi o juiz Tércio Chaves de Moura que entendeu que os comentários durante o programa "FALA PARAÍBA"  não corresponderam à propaganda extemporânea.

Segundo a Ação, o programa “Fala Paraíba”, veiculado de terça a sexta-feira, das 12h às 14h, “produzido pela Autarquia Estadual Rádio Tabajara – Superintendência de Rádiodifusão, por meio das emissoras Tabajara AM e Tabajara FM, em conexão com mais de duas dezenas de emissoras de rádio do Estado da Paraíba, teria sido utilizado para promover escancarada propaganda eleitoral antecipada do representado Ricardo Vieira Coutinho, notório candidato à reeleição”.

Fonte ParlamentoPB

Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.