VEREADOR QUINHO ACUSA MANDATO DE RAFAELA DE "MINHA CASA MELHOR"

Nesta segunda-feira (23) última sessão ordinária para apreciar e votar a Lei Orçamentária Anual (LOA) e a PPA, o debate na tribuna da casa Manoel Felipe dos Santos em Cuité, em alguns momentos perdeu o foco da defesa técnica. Após lamentar que como relator da comissão de Finanças daquela casa não se fez presente na reunião interna por relapso dos demais membros, o vereador Quinho (PMDB) disse que estava presidindo a comissão por estratégia partidária. A vereadora Isis Rafalela (PSD) ao usar a tribuna e desejar feliz natal e próspero ano novo, rechaçou a declaração de Quinho quando diz ocupar uma comissão de tão importância por estratégia de um partido, logo argumentou que estava parlamentar para defender os interesses da coletividade e não como estratégia partidária, ridicularizou a forma de pensar do relator da comissão de finanças e ao contrário iria continuar defendendo o povo, queira o senhor (Quinho) queira ou não. 

Bastou à vereadora Rafaela deixar o espírito natalino para o dia de Natal, para o vereador Quinho voltar à tribuna e disparar contra a parlamentar: Acusou o mandato da vereadora de ser comprado, pois a vereadora não morava em Cuité tirou a oportunidade de outros candidatos com serviços prestados no município chegar à câmara.  De alto e bom som na tribuna Max Weber Venâncio (Quinho) chegou a falar em troca de votos por eletrodomésticos, tem gente que montou uma sala todinha, disse Quinho. 

Em certo momento fiz pensar que se referia ao programa social “Minha Casa Melhor” cartão de crédito da presidente Dilma que dá direito a compra financiada de eletrodomésticos e agora ampliada para compra eletrônica (inclusive tabletes). 

O vereador Quinho ainda citou que Caruaru se fez presente na última eleição em Cuité, não com sacoleiros ou festa junina, mas com ex-presidiários e mascarados. Fora do plenário teve gente que disse “O vereador Quinho não tem moral e se esquece que tem telhado de vidro”.  Resumo da opera a LOA e PPA foram aprovadas por maioria, inclusive com votos dos vereadores da oposição Dico e Vinicius com uma ressalva Dico E Vinicius  votaram favorável a uma emenda do líder da oposição, Vicente Filho que limitava em 20% os remanejamentos financeiros entre pastas ou programas, logo derrotada no plenário.

 E para acabar com outros desdobramentos além análise da peça orçamentária o presidente da câmara Geraldo Leite foi decisivo “Como se pode desejar feliz natal e ano novo, se depois vem na tribuna e troca insultos, como presidente vejo os dois lados oposição é oposição, situação é situação quem vence é o voto na democracia”, no final da sessão com relógio batendo quase meia noite, a vereadora Rafaela saiu da câmara  indignada  deverá solicitar as gravações da fala de Quinho e acionar a justiça.  


Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.