LOA : BADO CULPA LINDOLFO PIRES PELO ADIAMENTO E PODE SER ESTRATÉGIA DE UM CASSISTA CONTRA RC E EM RESPOSTA A INVASÃO DE SUA BASE POR ESTELA

O deputado estadual, Bado Venâncio que faz parte da comissão de constituição e justiça da ALPB tem intensificado o mandato no estudo nas legalidades das leis, filtrando seu parecer para que a Assembleia não envie leis com vicio de iniciativa ou ditas inconstitucionais para o executivo, da mesma forma rebateu nesta segunda (13) o atropelo do deputado estadual Lindolfo Pires (DEM) ao apresentar emendas onde o prazo já expirado, causando o novo adiamento para votação da Lei Orçamentária Anual (LOA) que já deveria ser votada.


“O prazo para se apresentar emendas já havia expirado e gerou todo esse tumulto. O orçamento devia ter sido votado para incluir o que foi determinado pelo STF, sobre os recursos para a defensoria publica. Os demais itens ficariam inalterados. O orçamento já estava em processo de votação quando a proposta do governo foi apresentada e gerou todo esse tumulto”, explicou Bado.

Qual foi a estratégia do deputado da própria base governista apresentar emendas fora de prazo causando mais um adiamento da LOA, que pode prejudicar o andamento de obras estruturantes para o estado. O deputado pode estar fazendo gol contra para atrapalhar o próprio governo, se essa linha de pensamento fecundar , seria uma ação de um cassista contra RC e em  resposta para o governador quando Estela Isabel invadiu sua base política.








Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.