terça-feira, 13 de maio de 2014

MARCHA DOS PREFEITOS E O TURISMO POLÍTICO EM BRASÍLIA

A 17ª edição da Marcha dos Prefeitos começou desde ontem segunda (12) em Brasília, a marcha vai durar 3 dias, e quem paga essa conta de viagens, alimentação, estadia e se brincar horas extras? 

O encontro neste período eleitoral não deixa de ser político, na programação haverá encontros com presidenciáveis. A principal reivindicação é o amento de 2% no repasse ao Fundo de Participação (FPM). Essa é a pauta principal, além dos passeios dos prefeitos e assessores por Brasília. À respeito do Programa Mais Médico , não se divulga que o governo federal é quem paga a conta , e o pires nas mãos continua. 

O pacto deve ser cumprido entre as partes, se querem o cumprimento pelo Pacto Federativo que prevê a autonomia financeira e administrativa dos municípios, nesse modelo anti republicano que temos neste país, da autonomia aos municípios as oligarquias que ainda estão enraizadas na política vai deitar e rolar. Hoje prefeituras inadimplentes são o que não faltam, com malversação do dinheiro público. 

Dentre as reivindicações nacionais é possível citar ainda a Reformulação da Lei Complementar 116/2003; Desonerações do IPI somente da parcela da União; Apreciação pelo STF da Lei 12.734/2012 com a redistribuição dos royalties de petróleo e gás; Encontro de contas das dívidas previdenciárias. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.