PREFEITA DE CUITÉ, EUDA FABIANA DIZ QUE AUTORIZOU A CAGEPA PERFURAR POÇO NA ÁREA CABOATÃ

A máquina perfuratriz pode ficar em Cuité e fazer o poço na área Caboatã de propriedade do senhor Gentil Palmeira, a prefeita Euda Fabiana nega que houve qualquer impedimento para instalação de poços.

Euda Fabiana confirmou que ainda autorizou ao representante da CAGEPA em Cuité que fosse usada  a tubulação do sistema de abastecimento, que passa na região da Caboatã porém acrescentou que a mesma é antiga e o governo do estado pode recuperá-la se assim for necessário. 

 A prefeita ainda citou que se a CAGEPA quer mesmo perfurar poços, além da área do senhor Gentil Palmeira existe outros vizinhos que disponibilizam o espaço, a exemplo do empresário Medeirão.  É sabido que  os poços serão apenas um paliativo, uma vez que a vazão não é suficiente, mesmo assim amenizará a sede com ou sem racionamento.

Nos últimos anos sai governo e entra governo e não se tem tomado atitudes para evitar o colapso com a falta d’água em Cuité, segundo Aristóteles Pessoa o sistema de abastecimento da CAGEPA em Cuité  é bastante precário , não há manutenção e ainda a adutora não tem uma bomba de reserva. 

A fonte que revelou que havia impedimento por parte de alguns proprietários da região é fidedigna, contudo com a palavra da prefeita fica intimada a CAGEPA/CDRM já que a máquina perfuratriz ainda se encontra em Cuité para executar os serviços dos possíveis  poços e assim comprovar que não há estratégia politica de “a” ou “b” já que o principal elemento de matar a sede do povo é a água e não a politicagem. 

Ainda em relação à perfuração de poços, Euda Fabiana acrescentou que também tem feito algumas perfurações na região urbana , além de fazer em escolas  serão feitos vários poços pelos bairros assim como um poço no bairro do Tambor  (foto acima) que hoje chegou a 45 m e em breve irá ajudar a amenizar a escassez de água naquela comunidade. 




Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

2 comentários:

  1. Pra que minha gente cavar tantos poços se a água é pouca? Quando essa água acabar o que vai ser dos animais que não tem culpa alguma da imprudência humana. Muito bonito essa CAGEPA não fez o que era pra ter sido feito e agora quer colher dinheiro com água das propriedades particulares. Cadê esse governo do Estado porque não foi feito o açude a três anos a trás? Hoje teríamos água. Não adianta tampar o sol com a peneira, o povo não foi orientado a economizar água, são muitas construções, gastos sem limites e sem fiscalização. Aqui se derrama água pra lavar casa, calçadas, veículos e sem falar da encarnação precária de residências e da rua. Aí gente vamos parar com essa de perfurar poços isso causa danos inseparáveis no solo abalando as estruturas. Cadê os engenheiros ambientais, engenheiros sérios que sabem o que fazer. Não é do jeito que a gente quer de qualquer forma, isso é muito sério.

    ResponderExcluir
  2. valdemir azevedo Canutinho3 de agosto de 2014 00:39

    Faço uma solução ao pessoal da Cagepa o do Governo para petfurar um poço por tras da parede do açude do CAIS, pois seria uma solução para o abastecimento das cidade de Cuitr e Nova Floresta. Jogaria agua para o resersatorio da cagepa e bombearia para Cuite. Não gastaria com tubulaçao e seria pouco gasto. Estaria usando todo o sistema do cais. Falta enteresse de algums politicos.

    ResponderExcluir

Dê a sua opinião sobre esta publicação.