SEGUNDO TURNO JÁ COMEÇOU

A eleição na Paraíba vai para o segundo turno, contrariando várias pesquisas onde vendia números favoráveis para ser faturado no primeiro turno e ainda tinha ilusionistas que afirmava que  Ricardo perdia em João Pessoa e venceu por 76 mil votos , talvez ainda prejudicado pelas falhas das urnas com biometria  . Nas últimas o IBOPE é quem acertou com empate técnico, agora o jogo foi zerado e vai para o segundo turno que é outra eleição.

Normalmente no segundo turno quem leva vantagem é o candidato governante pois muitos canidatos eleitos e derrotados cruzam os braços por falta de folego de estrutura . A tese da rejeição não foi relevante, pois o governador Ricardo Coutinho enfrentou a maior liderança histórica do estado a começar pelo DNA dos cunha lima em comparação a Ricardo Coutinho vindo de Jaguaribe, bairro antigo de classe média e por ser filho de uma pessoa simples (costureira).

Hoje CCL e o mago RC tem o mesmo peso político, inegável que foi Cássio que apresentou Ricardo ao interior da Paraíba e se muitos dizem que se não fosse Cássio o atual governador não derrotaria Maranhão a verdade é recíproca para aquele momento, se não fosse Ricardo o senador Cássio não derrotaria Zé Maranhão.

O segundo turno para quem vai para a reeleição contra um candidato de renome é como se estivesse recebido mais uma chance para voltar para o segundo round.  O tempo de TV e Rádio serão os mesmos para os candidatos , no primeiro turno a Coligação de Cássio tinha preciosamente maior tempo de TV. Agora naturalmente não haverá os candidatos combativos como Radical , Major Fábio e Tárcio que batiam pra valer naturalmente na atual situação (gestão) . Agora é tete a tete exatamente o que Ricardo mais quer o confronto para comparar seus quase 4 anos contra os 7 anos de Cássio então governador, além de créditos de tempo do seu pai governador e mais tempo como parlamentar federal.


imagem   facebook amigos de picuí


Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.