PARA O CURIMATAÚ : DEPUTADO CHARLES CAMARAENSE SOLICITA AO GOVERNO DO ESTADO UMA UNIDADE DE MEDICINA LEGAL

O deputado estadual, Charles Camaraense (PSL) solicitou ao Governo do Estado da Paraíba a implantação de uma Unidade de Medicina Legal ( UML)  no município de Cuité para atender a Região do Curimataú  Ocidental Paraibano.

Através de requerimento o parlamentar expôs ao Executivo Estadual  a extrema necessidade da instalação da Unidade de Medicina Legal para atender a demanda da região do Curimataú e Seridó paraibano e assim desafogar as outras unidades.

 A Paraíba possui apenas 04 (quatro) sedes de Policia Cientifica para atender 223 municípios. Os pólos de medicina legal das duas maiores cidades do Estado João Pessoa e Campina Grande, cada uma, atendem mais de 50 municípios, enquanto o núcleo de Patos cobre 84 cidades e a unidade de Guarabira atende 31 municípios da região.

“Além  do trauma causado pela ocorrência de um assassinato ou acidente fatal, a família das vitimas de mortes violentas, apesar do governo do estado ter melhorado algumas unidades, muitas das vezes a família tem que se deslocar para sedes mais distantes e por vezes aguardar a liberação do corpo por longo tempo” diz o requerimento do parlamentar.

Outro problema é a grande distância percorrida para o recolhimento dos corpos , que muitas das vezes ficam expostos em via pública à espera da pericia e a disposição da imprensa sensacionalista, que muitas das vezes não respeitam a dor da família.


Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.