CHARLES CAMARAENSE E RICARDO MARCELO DEVE SE CONFRONTAR NA ASSEMBLEIA

Quais dos suplentes de deputado já preparam as malas para deixar a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) neste mês de Julho?   O retorno do ex-presidente Ricardo Marcelo já é garantido presente na AL nesta terça-feira(14).
A permanência do deputado Antônio Mineral (PSDB) poderia ser mantida, segundo corredores na AL o deputado RM  estav deixando  a poeira assentar e não ser sabatinado pelos pares para dar explicações do seu tempo de presidente da ALPB.

No retorno, Ricardo Marcelo deve engrossar a oposição ao governo e deve ingressar a outra legenda, já que o PEN está na bancada de apoio ao governo do Estado, liderado pelos deputados Edmílson Soares e Branco Mendes.

Depois de votado na Região do Curimataú em especial no município de Cuité o deputado estadual Ricardo Marcelo que lá não mais pisou deve participar de evento da prefeitura no dia 17 de Julho.  Desde que assumiu o mandato após sua derrota na disputa da presidência o deputado se licenciou sem ter participado de nenhuma sessão ordinária nessa legislatura. 

Quem também retorna da licença nesse mês é o deputado José Aldemir (PEN) e, assim como Ricardo Marcelo, vai continuar na oposição ao governador Ricardo Coutinho, quem sai é o seu suplente Jullys Roberto (PEN).

A dança das cadeiras na Assembleia ainda pode ser concluída com o retorno do deputado Tião Gomes (PSL) e saída de Charles Camaraense (PSL), que ocupa assento por 121 dias, desde o dia 24 de março, porém o deputado vai realizar uma plenária popular de prestação de contas do seu mandato em Cuité no próximo dia 17 nos corredores da AL também se comenta a possibilidade do deputado estadual Tião Gomes (PSL) tirar licença sem vencimento e assim Charles Camaraense (PSL) permanecer na Assembleia Legislativa da Paraíba.

Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.