SAÚDE A TODA HORA- ALUNOS NÃO SUPORTAM MAIS O MAU CHEIRO NA UFCG-CUITÉ

Os alunos universitários estão de volta às aulas e ao mau cheiro que exala do “Matadouro Público” de Cuité.  Mais uma vez eles usaram as redes sociais para declarar literalmente o que sente.  Vergonha! Disse uma estudante: CES tão lindo, bem cuidado, recebe pessoas de todo o país, sem falar na geração de renda que o CES trouxe para a cidade, que descaso com a população universitária e com a própria cidade desse governo municipal que ai está. (Prefeitura de Cuité).

É preciso levar esse debate para fora dos muros da UFCG, a gestão municipal de “plantão” por décadas no poder jamais priorizou a relocação do Matadou Público que se encontra fora dos padrões da vigilância sanitária.   A fedentina não só acompanha de ladeira abaixo para a UFCG como contaminam mananciais, nesse ano até feto de animal foi encontrado em torno do Matadouro Público o que poderia ser interditado.

“Veja, mas não cheire” esse foi o desabafo do diretor do Centro de Educação e Saúde ao postar a foto da UFCG que é um verdadeiro Cartão de Visita.  “  Descaso da Prefeitura Municipal de Cuité com a comunidade universitária” completou Ramilton Marinho.

Onde esta o dinheiro para construir um novo matadouro ? Os recursos  federais destinados são na ordem de R$ 718.000,00  será que exalou junto com mau cheiro  ou  se  perdeu prazo como foi o caso da construção de uma fábrica de polpa de frutas no Bujari ? 

Essa é a “Saúde a Toda Hora” de Cuité aonde o secretário de saúde vai a Câmara e leva meia dúzia de pessoas para aplaudi-lo, e dizer que ele é preparado , só se for preparado para  “omitir”  ver se ele vai ao CES para um debate com os alunos? 

 Que “Saúde a Toda Hora” é essa que ultimamente se faz mais partos de bebês na ambulância do SAMU do que no Hospital Municipal?  Claro a ambulância do SAMU é mais equipada. 

Que saúde a toda hora é essa falada pelo senhor secretário que não providencia um abrigo para a alcatéia solta as ruas com suspeita de Calazar. 

 Uma “Saúde a Toda Hora” que não paga os servidores em dia.  Que tem a volta das doenças epidimologocas, que dizia que Cuité estava controlada o foco de Dengue.  

“Saúde a Toda hora” onde há relatos que para se fazer um curativo é preciso rezar para Nossa Senhora das Mercês para o esparadrapo aparecer.    

Um mamógrafo para funcionar teve que ir para o Ministério Público Federal.  Uma Academia de Saúde que demora ser concluída enquanto da pequenina Sossego que antigamente era  distrito de Cuité , já inaugurou a sua.

Uma UPA 24 horas que já era para estar funcionando, alguns PSF´s sem médicos e a Saúde Bucal perdeu recursos federais por má gestão.  

 Sem contar com o registro de maus tratos a uma médica cubana, da denúncia do médico ao MP por ter usado o nome dele no Cadastro Nacional de Estabelecimento de saúde (CNES) quando o médico nem conhecia o município, entre outras a essência que exala o matadouro público continua matando de vergonha nossa cidade junto aos universitários.   

Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.