ZIKA VÍRUS- PREFEITA E SECRETÁRIO DE SAÚDE DE CUITÉ ABANDONAM AUDIÊNCIA PÚBLICA

Na tarde da quinta-feira (17) na Câmara dos Vereadores em Cuité o Ministério Público Estadual- MPE realizou uma Audiência Pública para discutir o enfretamento  ao Zika Vírus na região.  Quando em uma das falas foi cobrado o pagamento de salários dos Agentes de Saúde de Cuité, a Prefeita e Secretário de Saúde do município  abandonaram a audiência pública, sobre protestos . 

Na audiência estavam presente ACS e ACE dos municípios de Cuité e Nova Floresta, no propósito de trabalhar junto com a população para combater o mosquito Aedes aegypti transmissor da Dengue, Chicungunha e Zika vírus este último tem causado a microcefalia em bebês.

Nos seu malabarismo com números desta vez o secretário de saúde de Cuité, Gentil Palmeira foi contestado, afirmou que o surto do Aedes aegypti em Nova Floresta é bem mais preocupante do que em Cuité.  Antes ele mesmo apresentou os dados do surto do mosquito em Cuité estava em 6.0 e Nova Floresta em 3.2. 

Representando a população, o radialista Flávio Fernandes rebateu a matemática do secretário de saúde de Cuité; como o surto em Nova Floresta é mais preocupante do que em Cuité?  Se o surto em Cuité está em 6.0 e Nova Floresta 3.2?    Na matemática do secretário de saúde de Cuité 6.0 <  3.2 no quesito Saúde a Toda Hora. 

 “ Uma sugestão  aos Agentes de Saúde  que na Zona Rural intensificasse as visitas, nas casas que tem dois ou mais reservatórios (cisternas) com a seca algumas delas com pouca água pode ser um criadouro” disse Flávio. 

No momento que Flávio Fernandes citou a questão do atraso dos salários e décimo dos Agentes Comunitários de Saúde e endemias, a prefeita interferiu e disse que esse assunto já tinha sido falado, nesse momento a prefeita e seu irmão secretário de saúde não pediram licença publicamente e abandonaram a audiência pública . Em um áudio com circula nas redes sociais  é possível ouvir palmas e vaias entre a fala de Flávio Fernandes e a saída da Prefeita  junto com o  Secretário de Saúde de Cuité . 

“ Simplesmente  vergonhoso, não agüentaram a pressão dos ACS e ACE “ disse um agente confidente do Blog.

Ainda revoltados com a afirmativa do secretário de saúde de Cuité, na plenária os ACS e ACE de Nova Floresta disseram que estavam com salários em dia, décimo e pmac e discordaram da fala de Gentil Palmeira.  

Flávio Fernandes acrescentou que vários municípios da região do Curimataú que se planejaram já pagaram ou ainda estão pagando salários dentro do mês trabalhado e décimo terceiro em dia ao seu funcionalismo público. 

 “Falta gestão e planejamento pela prefeitura de Cuité, manter salários de secretários de R$ 6. 500 e não pagar os servidores público em dia, um ACS ter que comprar uma coalhada fiado para pagar, Deus sabe lá quando a prefeitura pagar seu salário” completou Flávio.

Um ACS de Cuité, disse ao Blog que a prefeita pensou que tudo seria  mil maravilhas na frente da promotora, acontece que antes mesmo da audiência foi registrado no MP a falta de compromisso da prefeitura de Cuité em não repassar salários em dia e por não ter anunciado o pagamento do décimo terceiro salário, segundo o ACS a promotora disse que esse assunto seria frisado na audiência. 

Além de técnicos na área de saúde, também participaram da audiência o presidente da câmara de Cuité e o padre Severino Firmo.  A promotora Daniele  Lucena Rocha disse que é importante a participação da população no combate ao mosquito bem como nas audiências públicas. 




Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.