NO DIA QUE A POLÍTICA DE NOVA FLORESTA ENTROU EM PARAFUSO


Não se faz mais política como antigamente , se foi o tempo de campanhas em Nova Floresta com Raminho Lopes e Silvestre, políticos estes de postura firme.

 O prefeito Meu Louro é conhecido como do povão faz o social, infelizmente na política o social se confundem com o assistencialismo.

 O momento político do município é um quadro de incertezas, no “piscar de olhos” quem era oposição é situação e vice- versa.  O prefeito João Elias mais conhecido por Meu Louro surpreendeu, rompeu com o atual vice-prefeito, Rossélio que é pré candidato até pouco tempo anunciado pelo próprio prefeito balizado por pesquisas.

Tudo começou após um café, onde o prefeito Meu Louro tomou com o pré candidato Jarson do Pastor, até então “ oposição”.  Patrulhado por alguns correligionários, o prefeito não negou o encontro e mandou recado aos correligionários que não aceitava pressão de ninguém.

Após o café vários desdobramentos aconteceram e ainda estão para acontecer, como um efeito dominó: Rossélio foi para o PSL do deputado Charles Camaraense e credenciou sua pré candidatura ; Dona Fátima entregou o cargo de secretária, Meu Louro declarou apoio a Jarson do Pastor e agora Dona Fátima que não era mais pré candidata voltou atrás.  

Em meio a tanta turbulência , apenas um posicionamento firme pelo menos por enquanto com o neto de Raminho Lopes, Renan que se colocou como pré candidato e aparece mais próximo a Rossélio.

Sobre os vereadores , como no passo de mágica mudou tudo até mesmo na Câmara é hora de reformular os discursos.

Quando da saída de três vereadores de uma só vez da bancada governista, o então bloco da situação foi solidário ao prefeito Meu Louro.   Não precisou nem tomar um " cafezinho"  o próprio presidente da Câmara ao sair da base governista  naquele instante antecipou seu voto favorável a aprovação das contas do prefeito.



Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é considerado um líder comunitário dos mais atuantes em sua região no Bessa, com ampla participação nas comunidades ao redor, também foi presidente da Associação de Moradores no Condomínio Valparaíso. Suas ações consiste em fazer a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas sociais, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.