HOSPITAL DE CUITÉ: MÃE DIZ QUE FALTA MATERIAL PARA TESTE DO PEZINHO

Uma mãe no município de Cuité reclama da falta de material para fazer o teste do pezinho no hospital de Cuité. O mais interessante é que a prefeita de Cuité ganhou o prêmio amigo da criança, quando até para nascer de parto normal no Hospital de Cuité inspira cuidados pela falta de estrutura. 


O Teste do Pezinho, assim como da orelhinha e do olhinho, são exames que servem para verificar se a saúde do recém-nascido está perfeita, detectando de forma precoce possíveis erros natos do metabolismo.  Com apenas algumas gotas de sangue colhidas do calcanhar da criança, o teste permite detectar oito doenças, entre metabólicas, congênitas e infecciosas. A triagem neonatal deve ser feita do terceiro ao quinto dia útil de vida.

“ faz duas quintas que espero o exame . Vergonha a saúde de Cuité “ postou no Facebook a mãe J.L.G.
  
Ao receber alta da maternidade, o pediatra entrega o receituário à mãe, solicitando a realização do teste e orientando a procurar uma unidade de saúde mais próxima à sua residência.

Não basta apenas  pintar parede e reinaugurar Unidade de Saúde sem que o mesmo possa oferecer condições de atendimento de forma plena.  

É recomendação médica se o teste for realizado até o quinto dia de vida, maiores são as chances de detectar alguma doença congênita ou má formação que pode prejudicar a vida futura da criança. 

Vamos torcer que após a denúncia, amanhã a secretaria de saúde do município disponibilize o exame. 


Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.