PICUÍ -TRANSMISSÃO DE GUIA ELEITORAL APRESENTA FALHAS E CANDIDATO DISPARA NAS REDES SOCIAIS

O candidato a prefeito de Picuí, Olivânio Remígio usou as redes sociais  para repudiar falhas na transmissão do seu Guia Eleitoral na Rádio  ( Sisal 87.9) , no resumo de sua postagem “democracia pede passagem”   Segundo ele é inaceitável que se manipule a transmissão de um Guia Eleitoral.

“ Nem a Rede Globo se atreve a fazer tamanha barbaridade “ se referido a Rádio Sisal de Picuí, ainda segundo relatos não aconteceu falta de energia na cidade  ou problemas na transmissão da internet. 

“ Muita coincidência, na hora que foi anunciado o Guia do candidato a prefeito Olivânio, simplesmente a rádio parecia estar foro do ar, seguiu chiando muito “ disse um internauta. 

A Coligação “ Coragem para mudar Picuí “ deverá entrar com a segunda ação na justiça eleitoral contra a rádio , a primeira ação  ( processo 32.782)  25ª Zona Eleitoral se refere ao corte de horário e inserções. 

Distribuição de tempo de propaganda eleitoral no rádio e tv .

O horário eleitoral gratuito foi reduzido. Agora serão dois blocos no rádio. Nos municípios em que houver geradora de televisão, além dos blocos, os partidos terão direito a 70 minutos diários, que serão distribuídos entre os candidatos a prefeito (60%) e vereadores (40%), para divulgação de inserções, que nas próximas eleições, somente poderão ser de 30 ou 60 segundos, uma vez que as inserções de 15 segundos, que existiam nas eleições passadas, não mais são permitidas.



Compartilhe no Google Plus

Quem é Dema Macedo

O Blogueiro Dema Macedo é Presidente da Asssociação de Moradores no Condomínio Valparaíso no Bessa, em João Pessoa, com ampla participação nas comunidades ao redor e locais do Bessa, faz a ligação do poder público com as comunidades, procurando solucionar os problemas socias, de infraestrutura e apoio familiar. Também participa ativamente do cenário político em em Cuité, município onde nasceu.
    Comente por aqui
    Comente com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.