quarta-feira, 30 de novembro de 2016

FALSO CORRETOR DE IMÓVEIS É PRESO EM JOÃO PESSOA

Um jovem de 24 anos foi preso na manhã desta quarta-feira (30) no bairro Jardim Oceania, em João Pessoa, suspeito de atuar irregularmente como corretor de imóveis.
De acordo com a assessoria de comunicação do Conselho Regional de Corretores de Imóveis da Paraíba (Creci-PB), a prisão foi feita por policiais da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) da capital paraibana.

De acordo com o delegado Lucas Sá, titular da DDF, o suspeito foi preso no bairro do José Américo após ser investigado por cerca de um mês.Ainda segundo a Polícia Civil, o suspeito chegou a negociar a venda de cinco imóveis usando irregularmente dois registros de corretores credenciados.

“As negociações não eram concluídas e o suspeito se apropriava dos valores das comissões e simplesmente ‘desaparecia’, mudando de contatos telefônicos e endereço, continuando a enganar novas vítimas”, explica o delegado.

Segundo o Creci, a prisão se deu a partir de um auto de infração lavrado pela fiscalização do Creci em julho. O jovem teria negociado um apartamento no bairro Jardim Planalto e se apropriado indevidamente do sinal de compra no valor de R$ 2 mil.

O suspeito não tem inscrição como pessoa física no Creci-PB e de acordo com o conselho, ele utilizava o registro profissional de outra pessoa.

Balanço de infrações
Um levantamento feito pelo Creci aponta que nos seis primeiros meses de 2016, foram lavrados 2.638 autos de infração, sendo 1.236 contra pessoas jurídicas, 1.462 contra pessoas físicas e 55 por falta de inscrição, que se caracteriza como exercício ilegal da profissão. A maior parte dos autos foram lavrados em João Pessoa, mas também foram registrados casos em Campina Grande, Guarabira, Sapé, Bananeiras, Cajazeiras e Patos.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.