sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

ESTUDANTE DE BIOMEDICINA ASSASSINADA POR ASSALTANTE DE 14 ANOS

Protegidos  por lei ,  não podemos  dizer que um menor  de  17 anos e outro menor de 14 anos foram presos e sim apreendidos como suspeitos  . A imagem da jovem estudante vitima de latrocínio pode publicizar e a dos menores "infratores" não .


A universitária Meirilane Taís da Silva, de 19 anos,  foi assassinada com tiro na cabeça, durante um assalto na noite da última quarta-feira (15), o no bairro do Tambiá, em João Pessoa.  A estudante estava caminhando para lanchar em uma padaria , quando foi surpreendidas pelos BANDIDOS .  

O suspeito de 14 ou 15 anos e reincidente em ação criminosa, o suspeito de atirar na estudante do curso de Biomedicina. A  força  Tática do 1º Batalhão no dia 17 de novembro do ano passado tinha "apreendido" o adolescente , na comunidade do Porto do Capim, no bairro do Varadouro, na Capital paraibana, suspeito de roubar a arma de um vigilante da Companhia Brasileira de Trens Urbanos, no feriado de 15 de novembro.

O detido confessou a participação no caso e contou como tudo aconteceu, apontando o jovem que ainda não foi apreendido como o autor do disparo que tirou a vida da estudante de biomedicina.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.