sexta-feira, 14 de julho de 2017

CUITÉ- CHARLES PAGA 14 FOLHAS EM SEIS MESES DE GESTÃO

Em tempo de vacas magras, redução de FPM principalmente no meio do ano ,  crise econômica e política jamais vista no Brasil a Prefeitura de Cuité paga 14 folhas em seis meses de gestão do prefeito Charles Camaraense (PSL/Livres). A atual gestão já vem mantendo o pagamento dos servidores em dia e paga salários deixados em atraso da gestão da ex-prefeita Euda Fabiana. 


A cada mês o prefeito não paga apenas a folha e parcelamento de acordo com parte de servidores de competência do ano passado.  O prefeito tem feito um tremendo esforço na economia dos cofres públicos para pagar dividas deixadas de obras paralisadas como, por exemplo, a UPA 24horas que será retomada até o final deste mês. 

“ pagamos 6(seis)  meses de funcionários ativos e inativos, antecipamos 50% do décimo terceiro dos funcionários ativos, pagamos a folha de Dezembro de 2016  ( gestão passada) a diversas categorias e o restante está sendo pago parcelado , assim como o mês de Dezembro dos aposentados e pensionistas “ destacou Éderson  , secretário de Administração. 

Ao todo são 14 folhas pagas apenas em seis meses da atual gestão, a cada mês são injetado na economia local dinheiro para movimentar o comércio do município. 

Novo prefeito e velhas dividas deixadas pelo gestor anterior deve ser pagas, dentro do ordenamento jurídico. Contudo o atual prefeito tem priorizado o funcionalismo público municipal, deixados dividas pela gestão anterior mesmo com o alivio financeiro que a ex-prefeita teve no anoitecer da última sexta-feira de Dezembro, quando o depósito dos valores decorrentes dos recursos da repatriação entrou na conta da Prefeitura e este foi utilizado no apagar das luzes do ano de 2016.

Em Cuité até a posse do atual prefeito foi conturbada , o presidente da casa certamente  teleguiado como foi no episódio do telefonema " viva voz" em sessão posterior. O termo de posse do prefeito e vice-prefeito só saiu após "pressão" popular  onde a mesa diretora só queria transcrever no dia posterior a posse , supostamente no retardo da movimentação bancária. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.