domingo, 16 de julho de 2017

ENQUANTO O ESTADO DO RIO GRANDE NORTE TRANSFORMA HOSPITAIS EM UBS , RICARDO COUTINHO ENTREGARÁ HOSPITAL DO CORAÇÃO NA PARAÍBA

A diferença é enorme na administração da coisa pública  entre os dois estados vizinhos da federação, Paraíba e Rio Grande do Norte. Ela é sentida a partir das estradas estaduais e  indicadores sociais .  Na área de saúde essa diferença ainda é maior enquanto o Governo do Estado do RN  fecha leitos em Hospitais o Governo do Estado da Paraíba aumenta o número de leitos .




Um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) assinado entre o Ministério Público (MPRN) e o Governo do Estado do Rio Grande do Norte recomenda transformar Hospitais Regionais em Unidade Básica de Saúde (UBS).

Na Paraíba o Governador  Ricardo Coutinho abriu mais lentos hospitalares e até o final da gestão entregará  o Hospital Metropolitano de Santa Rita que terá especialidade em doenças cardiovasculares e neurourologicas  , adulto e pediatria.  O Hospital Metropolitano Dom José Maria Pires  as margens da BR 230  se encontra com obras avançadas.  

Já na terras Potiguares o Governo do Estado  com dificuldade financeira para manter a rede de atenção à saúde , a proposta de transformar Hospitais Regionais em UBS será feito um cronograma para revisão e readequação de sete hospitais no prazo de 120 dias, ou a transferência das unidades para as prefeituras municipais. 

A segunda proposta do Governo do Estado do RN de municipalizar os hospitais regionais vem em péssima hora o custo para manter um hospital em condições de atendimento de acordo com a OMS é grande , dificuldade maior ainda com a queda de receita tanto do estado como dos municípios que já estão com a saúde financeira debilitada  , respiram pelos aparelhos desde a  sequencia de queda do  FPM. 

O secretário de estado de saúde do RN, George Antunes, garante que os hospitais não serão fechados e que irá dialogar com as secretarias municipais de saúde dos municípios de Canguaretama, Caraúbas, João Câmara, Acari, São Paulo do Potegti, Angicos e Apodi.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.