segunda-feira, 31 de julho de 2017

IMAGEM DOS BANDIDOS E AÇÃO POLICIAL NA INTENSA TROCA DE TIROS EM CUITÉ

Veja na integra  relato minucioso da ação dos bandidos e reação da policia , onde envolveu reféns e troca de tiros . 


AS 22: 30H DO DOMINGO (30) 
 Copom da Unidade , recebeu uma ligação anônima,informando que a igreja Evangélica das Nações localizada no bairro Humberto Lucena  em Cuité havia um roubo em andamento aos fieis  da igreja.

POLÍCIA AGIU RÁPIDO  
A guarnição de Rádio Patrulha comandado pelo Cb.Marivaldo e a guarnição de Rotam comandado pelo Sd Oliveira foram designados para atender a ocorrência;

POLICIA RECEBIDA A TIROS  
Recebidos a tiros , desferidos pelos acusados,tendo sido revidado a injusta agressão observando o uso progressivo da força;Que o policial militar soldado Oliveira foi alvejado no ombro e no braço caindo no local.

SEQUESTRO  
Duas guarnições no local prestaram socorro ao militar alvejado e os acusados aproveitando-se da situação sequestraram três pessoas que estavam na igreja e um senhor que passava pelo local,entre elas uma criança de apenas um ano e fugiram do local.

FUGA 
Tomando o veículo Hilux SW4 que estava na frente da igreja e pertencente a um cidadão conhecido por "BIA" proprietário de um supermercado da cidade. 

BANDIDOS ATIRARAM PARA MATAR POLICIAIS 
A guarnição  saiu em apoio as duas guarnições empenhadas e próximo à Rua Vereador Francisco Patrício interceptou a Hilux tomada por assalto,sendo surpreendido pela ação dos acusados que dispararam contra a guarnição da Polícia .

REAÇÃO  
Que em resposta a injusta agressão,usando do direito de legítima defesa e escrito cumprimento do dever legal,embasando-se no uso progressivo da força e desconhecendo o interior do veículo haviam reféns,disparou contra os agressores em virtude da alta velocidade desenvolvida na fuga,perderam o controle do veículo e chocaram-se com árvores;Que mesmo abalados pelo impacto do acidente um acusado .

UM BANDIDO FUGIU 
Desembarcou do veículo e fugiu a destino ignorado,enquanto os que permaneceram no veículo como reféns já identificados,começaram a atirar contra a guarnição que ao perceber a presença de inocentes no interior do carro cessou a resposta a injusta agressão e procurou se abrigar para salvaguardar a vida dos reféns;.

APÓS O CERCO, NEGOCIAÇÕES 
Após cerco e isolamento do local foi iniciada uma negociação com a presença  dos policiais ,Sg.Assis e do Sgt.Joelson,este último conhecendo um dos acusados teve participação preponderante no convencimento dos acusados a se entregarem.

PRIMEIRO REFÉM LIBERADO 
 Inicialmente liberaram a criança em seguida duas senhoras e um senhor,entregando uma pistola e deixando o veículo;  os reféns foram imediatamente socorridas pelas guarnições para o Hospital local,tendo um senhor um disparo no ombro e no tórax e uma das mulheres um disparo no pé;Que os acusados foram socorridos da mesma forma para o Hospital de Trauma da cidade de Campina Grande tendo um deles um disparo na perna e um ferimento de raspão na boca,outro com um disparo no ombro e braço e o último preso em estado de saúde preservado;Que o refém alvejado seguiram escoltados também para o Hospital de Trauma da cidade de Campina Grande com estado grave de saúde;Que os dois acusados alvejados seguiram escoltados também para o Hospital de Trauma da Cidade de Campina Grande; 

ENVOLVIDOS 
Acusado de nome Thales foi apresentado ao delegado da cidade de Cuité em perfeito estado de Saúde mental e físico;Que o militar alvejado também foi transferido para Campina Grande;Que as demais vítimas permaneceram no Hospital da cidade de Cuité recebendo atendimento médico especializado; Que segundo informe que um quinto envolvido teria dado apoio aos quatro criminosos e ao ver o resultado da ocorrência deixou o local no veículo Siena que foi abandonado em seguida.

Com 9°BPM 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.