quarta-feira, 16 de agosto de 2017

ONG " MULHERES DE PEITO" NA PARAÍBA FECHA PARCERIA COM VARA DA EXECUÇÃO PENAL

A OMS estima que ocorra cerca de 1.050.000 casos de câncer de mama por ano, caso que mais incide sobre a população feminina. Essa é a causa mais freqüente de morte por câncer nas mulheres.


Na Paraíba a ONG “Mulheres de Peito” tem feito um excelente trabalho voluntário e sem fins lucrativos para fazer chegar e oferecer exames como a mamografia na maior parcela de mulheres em vulnerabilidade social e de baixo poder aquisitivo.

Nesta terça-feira( 15), a ONG Mulheres de Peito que tem a médica mastologista Cristiane Santos e o juiz da Vara de Execução Penal Gustavo Tavares de Lyra fecharam parceria para que as “ BONECAS MARIAS” símbolo da ONG ser produzidas pelas mulheres do presido feminino de Campina Grande. 

A partir da próxima quinta-feira (17) voluntárias artesãs da ONG Mulheres de Peito irão ao presídio feminino ministrar as primeiras aulas. Segundo a médica Cristiane Santos em breve a boneca Maria marketing da ONG será lançada nacionalmente.

A cada 10 (dez) Marias comercializadas a ONG doa 2 (duas) mamografias a mulheres de baixa renda. A produção das bonecas no presídio feminino será comprada pela ONG, que fornecerá todo material para confecção. 

Na Paraíba a região do Curimataú, apresenta a menor cobertura para rastreamento de Câncer de Mama. O número de mamógrafos em funcionamento ainda é muito pouco no estado, abaixo do que se preconiza o MS ( INCA) de cobertura mínima de 70% das mulheres. A ONG Mulheres de Peito, luta para que as políticas publicas possam acontecer e atinge a média de mamógrafos em funcionamento sem ser subutilizados.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.