terça-feira, 2 de janeiro de 2018

CURIMATAÚ E SERIDÓ : O JOGO É DIFERENTE , CADA ELEIÇÃO É UMA ELEIÇÃO .

A definição no PPS e  MDB devem delinear os contornos do processo eleitoral em 2018 em Cuité   até o Carnaval.  O jogo da eleição estadual é bem diferente do pleito eleitoral municipal, quem tem condições de disputar com maior capilaridade certamente terá maiores chances de se eleger ou consolidar projetos para 2020.  





 PPS DE CUITÉ 

O PPS de Cuité tem dois nomes na disputa, as pesquisas internas é quem vai nortear os nomes entre Rafaela e Tárcio Pessoa.  Antes que a pré campanha ganhe corpo o bloco político do Prefeito Charles tem  nomes limpos e competitivos para a escolha, enquanto o Bloco político de Bado tem apenas o da ex-prefeita Euda Fabiana (MDB) que precisa reverter decisão judicial em primeira instância por improbidade administrativa. 

PMDB SERÁ MDB SEM EUDA EM CUITÉ 

O MDB, de Cuité, tem investido na construção de um discurso de combate ao governo do Estado, e começa a ganhar corpo ao bater na gestão do prefeito Charles Camaraense (PPS). O PMDB( MDB) de Cuité poderá ficar no stand bay caso a ex-prefeita Euda migre para o LIVRES de Lucas de Brito. 

EMPLACAR RAFAELA 

As investidas de Charles no cenário local tem sido em direção a emplacar o nome de sua filha Rafaela, uma pré candidatura cristalizada pela administração do governo municipal. Outro nome possível é do ex- secretário de estado Tárcio Pessoa (PPS) este mesmo fora do governo socialista  absolve o recall do operoso governo de Ricardo Coutinho.

BUBA  MAJORITÁRIO  

Na região o nome com maior número de apoio de prefeitos, Buba Germano (PSB) também precisa se defender na justiça por condenação por improbidade administrativa, em Cuité o deputado licenciado Buba trabalha na sobra dos votos no maior colégio eleitoral. 



ALÉM DE BUBA , PICUÍ DEVE LANÇAR OUTRO CANDIDATO 

Tema do próximo artigo do Blog .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.