domingo, 11 de novembro de 2018

CRESCE INTENSIDADE DE MAU CHEIRO DA LAGOA DE CUITÉ

Cresce a intensidade de mau cheiro da Lagoa Central de Cuité , segundo moradores.  O fedor pode estar relacionado com a poluição , estiagem e estação dos ventos.   O mau cheiro tem alcançado bairros mais distantes e é preciso uma intervenção do poder público. 

 A lagoa foi alvo de promessa eleitoreira de gestores passados , promessa de emprego em campanha e nunca saiu do papel o projeto , se é que existiu  projeto que tem sido discutido em audiência pública . 

 Cuité ficou livre do mau cheiro do antigo matadouro público , fechado e transformado no centro de comercialização de animais . Assim acabou o crime ambiental onde contaminava afluentes de rios que chegava até o açude do Cais que em época de bom inverno abastecia as cidades de Cuité e Nova Floresta . 

A agressão a  Lagoa de Cuité é recorrente  , supostamente por ligações clandestinas de esgotos. O ministério público precisa entrar na causa , limpar apenas a lagoa seria um paliativo , necessário se faz notificar os supostos infratores que tem esgoto ligado direto para a Lagoa. 

A questão da Lagoa precisa de politicas públicas que envolva os governos municipal , estadual e federal . As intervenções perpassa por infraestrutura de esgotamento sanitário , limpeza e colocar em prática projeto urbanístico que possa transformar no cartão postal e qualidade de vida.  


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre esta publicação.